Uma pesquisa feita com 8.773 docentes de 19 estados brasileiros revela o quadro da educação brasileira e traz novos dados para o debate sobre políticas públicas e projetos pedagógicos.
     De acordo com a pesquisa, o que mais influencia a educação dos jovens e crianças brasileiros é a família, seguida da escola, da mídia e amigos, nessa ordem.
     Três de cada quatro destes professores consideram que a administração não valoriza suficientemente seu trabalho e 80,6% pensam o mesmo em relação à sociedade. No entanto, apesar de se sentirem pouco valorizados, apenas 20% mudariam de profissão.
     Estes e outros dados fazem parte da pesquisa A qualidade da educação sob o olhar dos professores apresentada ontem, dia 25 de setembro, no Seminário de Educação para a Cidadania, promovido pela Fundação SM e a Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI).
 A pesquisa está disponível no endereço eletrônico do Grupo SM: http://www.edicoessm.com.br/ .

Fonte: www.nota10.com.br
Acessada em 26/09/2008